Drops Portocred

Antecipação Saque-aniversário FGTS

Sem parcelas mensais! O pagamento é feito com seu saldo parado no FGTS.
Saiba mais

Desafios do empreendedorismo no Brasil: descubra aqui quais são os principais, as vantagens de empreender no país e 5 dicas importantes para começar.

 

Empreendedorismo no Brasil

Apesar dos desafios do empreendedorismo no Brasil, o povo brasileiro gosta de empreender. 

Para se ter uma ideia, segundo o Mapa das Empresas, documento emitido pelo Ministério da Economia, no 1° quadrimestre de 2021 foram abertas 1.392.758 empresas.

Contudo, não são poucas as pessoas que acabam deixando o sonho de ter o próprio negócio na gaveta. 

Mas, por que isso acontece? O que é realmente importante para começar a empreender? Quais são os principais desafios do empreendedorismo no Brasil? 

Se você também tem essas dúvidas, leia este conteúdo para: 

  • descobrir quais são os maiores desafios do empreendedorismo no Brasil;
  • entender o que é ser empreendedor, as vantagens e desvantagens de ter o próprio negócio; 
  • conhecer 5 dicas fundamentais para iniciar no mundo do empreendedorismo e quanto de capital é necessário.

Boa leitura!

Quais são os maiores desafios do empreendedorismo no Brasil? 

Não é fácil empreender no país. Mesmo que você ainda não tenha a sua própria empresa, certamente deve ter ouvido falar sobre alguns dos desafios do empreendedorismo no Brasil. Conheça agora os principais. 

Alta carga tributária

O Regime Tributário vigente no país é bastante complexo, variando conforme o porte e atividade fim do negócio. E, devido a isso, não é à toa que alta carga tributária é um dos desafios do empreendedorismo do Brasil mais comentados.

Afinal, além do investimento necessário para abrir e/ou manter uma empresa, o empreendedor ainda precisa arcar com várias taxas. 

O que fazer então para não pagar tais impostos? 

A resposta é: não é possível deixar de pagá-los. Até porque, quando não são pagos, geram multas altíssimas, prejudicando o funcionamento da empresa

O segredo é buscar orientação de profissionais com expertise na área contábil, para manter a regularidade tributária da empresa. 

Falta de estímulo de crédito

Tentar conseguir crédito é outro desafio do empreendedorismo no Brasil.

Isso porque nem todo mundo tem conhecimento financeiro ou oportunidades para conseguir investimento para o seu negócio. 

Todavia, existem algumas saídas para conseguir dinheiro para investir na própria empresa. Uma delas é o empréstimo pessoal, concedido por bancos e financeiras.

Outra opção pode ser, inclusive, outra modalidade desse tipo de crédito, o empréstimo consignado. Com ele, quem ainda está trabalhando em outra empresa pode se planejar financeiramente para abrir o próprio negócio. 

Burocracia para empresas

Além da alta carga tributária, abrir uma empresa no país é algo burocrático. E esse é dos desafios do empreendedorismo no Brasil que fazem muita gente desistir de abrir uma empresa.

Prova disso foi um estudo que ouviu mais de 600 empresários realizado em 2019, por 3 entidades importantes no país. São elas: 

  • CNDL - Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas;
  • SPC Brasil - Serviço de Proteção ao Crédito;
  • Sebrae - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas.

O excesso de burocracia para abrir, manter e fechar empresas e na contratação e dispensa de funcionários foram considerados barreiras para 49% dos entrevistados

Conhecimento para realizar uma boa gestão 

Ser um bom profissional técnico não é suficiente para ter uma empresa de sucesso. Afinal, além disso, é preciso entender de gestão, para, dentre outras coisas:

  • manter a sua empresa competitiva e a produtividade da equipe;
  • controlar as finanças do negócio;
  • acompanhar e monitorar dados importantes da empresa. 

Porém, assim como os conhecimentos financeiros, nem todo mundo tem acesso ao conhecimento necessário para gerir um negócio. 

Inovar em serviços e produtos

A dificuldade para inovar em produtos e serviços acaba sendo uma consequência dos demais desafios do empreendedorismo no Brasil. 

Da redução de tempo e custos nos processos ao oferecimento de uma experiência diferenciada, a inovação é fundamental no mundo dos negócios

O que é ser empreendedor? 

Já sei quais são os desafios do empreendedorismo no Brasil. Mas, o que é ser empreendedor?

Em resumo, ter vontade de abrir uma empresa não caracteriza uma pessoa como empreendedora.

  Quem tem espírito empreendedor identifica novas oportunidades de negócio e compreende as necessidades dos consumidores

Além disso, outras características importantes dos empreendedores são:

  • ter iniciativa, buscando resolver problemas antigos com soluções novas;
  • ser comprometido com o propósito do negócio;
  • ir atrás de conhecimento, aplicá-lo na empresa e acompanhar os resultados;
  • estar sempre em busca de oferecer qualidade aos seus consumidores.

Vale ressaltar também que, nem sempre os empreendedores são donos de empresas. Afinal, é possível encontrar pessoas com tais características trabalhando em várias organizações. 

O que é preciso para empreender no Brasil?

Deseja abrir o próprio negócio? Se sim, determinação e perseverança são características que o empreendedor precisa ter para não desistir no meio do caminho.

Outra coisa importante é ter metas claras e reais, com um bom plano de negócios e estrutura organizacional. Em resumo, organize sua empresa de "dentro para fora". 

Afinal, isso é muito importante, considerando tantos desafios do empreendedorismo no Brasil.

Além disso, é importante buscar bons parceiros. Dos fornecedores aos colaboradores, todos precisam estar em sintonia e acreditar no propósito do seu negócio. 

Junto com isso, desenvolva uma boa rede de networking e faça com que sua ideia seja conhecida por muitas pessoas. Isso ajuda tanto na própria divulgação em si como também na validação do seu negócio. 

Lembre-se que as críticas vão chegar, mas que você nunca deve ignorá-las: elas podem ajudar no crescimento do seu negócio

Quais as desvantagens e vantagens de ser empreendedor no Brasil?

Montar o próprio negócio não é algo tão fácil.

A começar pelas dificuldades em conseguir investimento. Junto com isso, tem-se os riscos, sejam eles econômicos e da falta de conhecimento sobre gestão. Inclusive, esses são mais outros desafios do empreendedorismo no Brasil. 

Afinal, os empreendedores iniciais sofrem não apenas com a falta de recursos financeiros, como também com a ausência de educação financeira. E, infelizmente, isso é o que pode levar várias empresas com potencial para prosperar fecharem as portas, ainda no primeiro ano. 

Ter a própria empresa também pode gerar uma grande sobrecarga de trabalho e responsabilidade sobre o empreendedor.

Porém, mesmo com os desafios do empreendedorismo no Brasil e alguns pontos negativos, abrir a própria empresa também tem suas vantagens.

A primeira delas está relacionada à autonomia e à flexibilidade. Uma vez sendo dono do próprio negócio, é você quem determina seus horários e cria sua própria rotina.

Dessa forma, para quem precisa conciliar outros compromissos com o trabalho, empreender pode ser uma boa opção. 

Além disso, quem empreende também tem a possibilidade de escolher a própria equipe. Isso é algo extremamente produtivo para qualquer negócio, pois as chances de haver uma sinergia entre os colaboradores do negócio é bem maior. 

Afinal, quando você trabalha em uma empresa que não é a sua, nem sempre é possível fazer parte de uma equipe harmoniosa. 

Outra vantagem de ser empreendedor é poder trabalhar integralmente com aquilo que se gosta. Isso, para muitos, é uma verdadeira realização pessoal. E, quando o negócio prospera, os sonhos financeiros também são atingidos. 

5 Dicas para quem deseja começar a empreender

Em 2020, de acordo com o relatório Global Entrepreneurship Monitor - GEM, no Brasil surgiram 14 milhões novos empreendedores. A pesquisa também apontou que 52,1% dos entrevistados afirmou que o desemprego foi o motivo para abertura dos negócios.

Independentemente da causa ou da urgência pelo dinheiro, alguns pontos precisam ser considerados na hora de abrir uma empresa. E, agora que você já conhece os principais desafios do empreendedorismo no Brasil, confira dicas para começar a empreender. 

Avalie seu mercado

Qual é a situação atual do ramo que você está investindo? Como se comportam os seus concorrentes? Eles atendem às expectativas do público? E os fornecedores, o acesso a eles é fácil?

Essas são apenas algumas perguntas que você precisa fazer, sobre o mercado, antes de abrir uma empresa. Afinal, mesmo que seu sonho seja abrir uma loja X, é importante analisar a viabilidade deste negócio. 

Para isso, é importante analisar o mercado como um todo, de uma forma realista e imparcial. 

Entenda seu público

A parte mais importante de um negócio é o público. Por isso, antes e mesmo depois de abrir uma empresa, pesquise e estude bastante sobre ele. 

Assim, busque descobrir o maior número de informações possíveis sobre o seu público, como: 

  • motivações;
  • necessidades;
  • expectativas;
  • anseios;
  • objeções.

Para isso, você pode realizar pesquisas e falar diretamente com seus potenciais clientes. Lembre-se de verificar se o que os concorrentes estão oferecendo é compatível com o que seu público está procurando.

Conheça sua concorrência

Já citamos nos tópicos anteriores sobre entender a concorrência. Porém, é necessário realizar uma pesquisa bastante aprofundada sobre cada um dos seus concorrentes, sejam eles diretos ou indiretos. 

Conhecendo o público e a concorrência, é possível descobrir pontos de melhoria no seu negócio como também oportunidades de mercado. 

Tenha seu objetivo bem definido

Qual é o principal objetivo do seu negócio? O que é necessário para alcançá-lo? 

Com certeza você já ouviu aquela famosa frase “quem não sabe para onde ir, qualquer lugar serve.” Ela faz bastante sentido quando olhamos para a definição dos objetivos da empresa.

Afinal, são eles, juntamente com as metas, os responsáveis por direcionar os passos de todos da organização

Invista em bons produtos e serviços

A melhor forma de conquistar novos clientes e manter os atuais é investindo em bons produtos e serviços. Além disso, é importante que a cultura de um bom atendimento seja difundida por todos dentro de uma empresa. 

Isso não significa que um negócio deverá ser perfeito. Afinal, erros podem acontecer, porém, o importante é como ele será tratado. 

Para inspirar você a abrir a sua própria empresa, clique aqui e conheça a história da Cristiane. Ela virou o jogo depois de ter sido demitida e iniciou um negócio bastante lucrativo!

O planejamento estratégico pode ser um aliado do empreendedor? 

Digamos que você vai fazer uma viagem  e precisará estimar o gasto total, verificar passagens, hospedagem e roteiro. Todos esses passos se resumem em uma palavra: planejamento.

Assim como precisamos nos organizar para realizar uma viagem, o nascimento de uma empresa deve partir de um planejamento estratégico.

Trata-se de uma ferramenta de gestão, que tem a finalidade de guiar os empreendedores nas tomadas de decisões. Afinal, começar um negócio não é simplesmente comercializar alguma coisa. 

É preciso definir os objetivos daquela empresa e quais serão os passos adotados para que eles sejam alcançados.

De uma forma geral, para montar o planejamento estratégico da um negócio é importante:

  • encontrar os objetivos e metas de curto, médio e longo prazo; 
  • descobrir quais são as suas forças, fraquezas, oportunidades de melhoria e ameaças ou seja, a tão famosa análise SWOT;
  • desenvolver estratégias para alcançar os objetivos. 

Então, criando o planejamento estratégico da minha empresa, estou livre de correr riscos?

Todo empreendedor está sujeito às crises econômicas e imprevistos, como as inadimplências. Porém, quando uma empresa tem um planejamento, está preparada para várias situações adversas.

Basta pensar na quantidade de negócios que precisaram fechar as portas por conta da falta de caixa na pandemia. Você provavelmente deve ter conhecido alguns. 

É claro que ninguém imaginava ou esperava que um vírus se espalharia no mundo inteiro. Contudo, quem tinha o seu plano B, enfrentou o período com menos dificuldade.  

Lembre-se que empreender é correr riscos, porém, calculados. Nesse sentido, entra o planejamento, fundamental para a saúde financeira e sobrevivência de qualquer negócio.

Quanto eu preciso de dinheiro para empreender? 

No Brasil, um dos desafios do empreendedorismo é o acesso ao capital para montar a própria empresa. Apesar disso, é possível começar a empreender com R$ 100,00 em alguns segmentos, como produção de lanches ou acessórios´.

Agora, se o seu sonho é ter uma empresa maior, certamente o investimento não será tão baixo. Nesse sentido, veja que a quantidade de dinheiro necessária para abrir uma empresa está relacionada ao ramo do negócio escolhido. 

O ramo que quero investir necessita de muito dinheiro e eu não tenho. O que faço, então?

Existem várias saídas para abrir uma empresa mesmo não tendo o capital ideal. Uma delas é buscar empreender em negócios menores e mais simples primeiro, antes de montar uma empresa grande.

No caso de um restaurante, por exemplo, uma opção é começar a produzir marmitas em casa mesmo. O mesmo vale para outros ramos, como beleza e comércio em geral.

Além disso, outra forma de conseguir o dinheiro necessário para empreender é através das soluções oferecidas por bancos e financeiras. O empréstimo pessoal é

uma delas, como já mencionamos. 

Os desafios do empreendedorismo no Brasil são muitos, como você viu. Mas, sabia que é possível realizar o sonho de ter o próprio negócio com a ajuda da Portocred?

Clique aqui para conhecer o nosso empréstimo pessoal e tire os seus planos do papel!

Na Portocred, você pode parcelar o valor em até 36 meses e pagar a primeira parcela em até 60 dias. E, o melhor de tudo: após a aprovação, o dinheiro entra na sua conta em minutos.

Canais de
atendimento

Central de cobrança

Regularização de débitos

0800 600 0771

2ª a 6ª feira, das 8h às 20h40 Sábado, das 8h às 14h20

negociacao@portocred.com.br

SAC & Central de relacionamento

Informações, reclamações, cancelamentos, sugestões e elogios

0800 600 0777

2ª a 6ª feira, das 8h às 18h00

sac@portocred.com.br

Ouvidoria

Caso já tenha recorrido aos nossos canais de atendimento e não esteja satisfeito

0800 601 7700

2ª a 6ª feira, das 9h às 16h00

ouvidoria@portocred.com.br

É necessário ter um número de protocolo de atendimento para ser atendido na ouvidoria.

Copyright © 2022
Portocred S/A Crédito, Financiamento e Investimento

CNPJ 01.800.019/0001-85

Endereço: Av. Doutor Nilo Peçanha, 2900, 11º andar, Conjunto 1101, Chácara das Pedras - Porto Alegre, RS. CEP 91330-001

Banco Central do Brasil

Atendimento: 145

Deficiente Auditivo/Fala: 0800 642 2345

www.bcb.gov.br

Procon: 151

Taxas de empréstimo segundo informação disponível no site do Banco Central: Empréstimo pessoal: 5,50% a 24,41% ao mês - Empréstimo Consignado Público: 3,67% a 5,96% ao mês - Empréstimo Consignado Privado: 1,99% a 7,99% ao mês - Financiamento de veículo: 2,69% a 6,04% ao mês.